sexta-feira, 17 de julho de 2009

Arame.

Há coisas que realmente me deixam um tanto quanto assustada, sabe?
Bom, pra começar eu vejo certas coisas no dia-a-dia que sei lá, me levam a questionar o seguinte:
Por que existem garotas que se matam usando a máquina digital somente pra tirar fotos iguais e sem nexo? Por exemplo, fotos de costas, tipo "olhem minhas costas, minha enorme bunda e meu cabelo com chapinha!", quem quer ver foto assim, cara? Eu realmente fico com vergonha alheia, confesso. Dai vem a pergunta clichê: "O que você tem além da bunda?"
Outra coisa, quem quer saber se você é rebelde sem causa? E daí que você tem um conhecimento imenso? Não adianta ter isso se você se faz de "mamãe sou cult". Grande bosta a sua leitura do mês e o vinil do Mozart. É fácil demais eu ir numa loja, comprar uma camiseta bacana, um cd mega foda e um oculos escuro, pra chegar em casa, me trancar no quarto e tirar várias fotos. Aposto que quando sua mãe te chama, você tira todo o seu disfarce em segundos e vai até ela com cara de idiota.
Ah, jura que você sai a noite e bebe todas? Vai pro hospital direto? Dá uma de doente e fica tomando remédio a toa? Poxa que legal, hein? É mais fácil você pegar os lixos que escreve e limpar a bunda. Tenho dó daquelas pessoas que se acham e não são, sabe?
Agora, o que eu tenho mais raiva, que eu detesto e que por mim morreriam todos os individuos desse tipo, são aqueles que se metem na vida alheia, e ainda chegam achando que sabem de você, como se convivessem contigo desde que nasceu. Por mais que você mande a pessoa pra puta que pario, ela insiste em irritar, achando que tem toda a razão do mundo!
Deu pra perceber que eu sou seletiva? Pois é, você com certeza é pior do que todos esses tipos juntos.

Nenhum comentário: